Vini­cius Ara­ka­ki, cofun­da­dor e dire­tor de EdTe­ch da Edu­sen­se

EDU­SEN­SE

APREN­DER AO LON­GO DA VIDA

A Edu­sen­se ofe­re­ce às empre­sas solu­ções digi­tais para o desen­vol­vi­men­to, o geren­ci­a­men­to e o com­par­ti­lha­men­to de cur­sos para capa­ci­ta­ção e trei­na­men­to de cola­bo­ra­do­res

POR MELIS­SA LULIO

Antes da popu­la­ri­za­ção da inter­net, novas habi­li­da­des pro­fis­si­o­nais eram desen­vol­vi­das mui­to mais len­ta­men­te, e era comum que, ao lon­go da car­rei­ra, um pro­fis­si­o­nal bus­cas­se pou­ca atu­a­li­za­ção den­tro de seu esco­po de tra­ba­lho.
Atu­al­men­te, con­tu­do, novas pro­fis­sões, tec­no­lo­gi­as, recur­sos e deman­das sur­gem e se alte­ram cons­tan­te­men­te, o que exi­ge de mui­tos cola­bo­ra­do­res uma atu­a­li­za­ção con­tí­nua para não se pre­ju­di­ca­rem no mer­ca­do de tra­ba­lho.

Pro­va dis­so é que, de acor­do com um estu­do da Dell, em 2030, 85% dos empre­gos dis­po­ní­veis serão novos – ou seja, ain­da não exis­tem – e tal cená­rio abriu espa­ço para novos mode­los de ensi­no, ino­va­do­res e dinâ­mi­cos.

Os ambi­en­tes de apren­di­za­gem tive­ram de se adap­tar a aulas no tablet, ano­ta­ções no celu­lar, diá­lo­gos com o pro­fes­sor pelo What­sApp etc. Com isso, o indi­ví­duo dei­xou de ter um úni­co perío­do – do dia ou da vida – foca­do no apren­di­za­do.

Um exem­plo de negó­cio cri­a­do para aten­der às deman­das des­se novo con­tex­to é o da Edu­sen­se, star­tup que foi adqui­ri­da em 2018 pela Plu­soft e que desen­vol­ve dife­ren­tes solu­ções em edu­ca­ção digi­tal para o mer­ca­do B2B.

Para as empre­sas que bus­cam impul­si­o­nar a per­for­man­ce e as habi­li­da­des de seus cola­bo­ra­do­res, a Edu­sen­se ofe­re­ce recur­sos com­ple­tos para o desen­vol­vi­men­to, o com­par­ti­lha­men­to e o geren­ci­a­men­to de con­teú­dos para a capa­ci­ta­ção pro­fis­si­o­nal cons­tan­te.

Ofe­re­ci­da no mode­lo Soft­ware as a Ser­vi­ce (SaaS), a Edu­sen­se pode ser implan­ta­da em qual­quer per­fil de orga­ni­za­ção. “A capa­ci­ta­ção de cola­bo­ra­do­res, hoje, pre­ci­sa ser cons­tan­te”, afir­ma Vini­cius Ara­ka­ki, cofun­da­dor e dire­tor de edte­ch. Por isso, o prin­ci­pal con­cei­to da Edu­sen­se é o life­long lear­ning – que per­cor­re toda a vida do indi­ví­duo, indo além da ideia de ensi­no for­mal e com­pre­en­den­do a evo­lu­ção do pro­fis­si­o­nal que muda de fun­ção ao lon­go da vida e, por­tan­to, pre­ci­sa estar em cons­tan­te capa­ci­ta­ção.

Dis­se­mi­na­da pelo mer­ca­do

Atu­al­men­te, a Edu­sen­se atua com empre­sas de dife­ren­tes seg­men­tos de mer­ca­do, como ban­cos, call cen­ters, star­tups, empre­sas de cos­mé­ti­cos, entre outras, com pro­fis­si­o­nais em diver­sos momen­tos de car­rei­ra. “Temos entre nos­sos cli­en­tes uma gran­de empre­sa de con­tact cen­ter do País, que con­tra­ta mui­tas pes­so­as em situ­a­ção de pri­mei­ro empre­go; por isso, ofe­re­ce­mos inclu­si­ve cur­sos para o desen­vol­vi­men­to de habi­li­da­des com­por­ta­men­tais” — estra­té­gia que auxi­lia na redu­ção da taxa de tur­no­ver, vis­to que o cola­bo­ra­dor per­ce­be o inves­ti­men­to da empre­sa em si e exis­te a pos­si­bi­li­da­de con­cre­ta de desen­vol­vi­men­to de car­rei­ra.

A pla­ta­for­ma edu­ca­ci­o­nal desen­vol­vi­da pela Edu­sen­se é um ambi­en­te vir­tu­al de apren­di­za­gem, soci­al e gami­fi­ca­do, que con­ta com fer­ra­men­ta de auto­ria inte­gra­da, para o desen­vol­vi­men­to, o geren­ci­a­men­to e a publi­ca­ção de novos cur­sos e quiz­zes pelo cli­en­te, e um catá­lo­go de 150 cur­sos on-line, com foco no apri­mo­ra­men­to das soft skills, desen­vol­vi­dos com o con­cei­to de micro­le­ar­ning: um con­teú­do com­ple­to com tem­po oti­mi­za­do de estu­do.

Em uma úni­ca pla­ta­for­ma edu­ca­ci­o­nal, todo um ciclo de apren­di­za­gem cus­to­mi­za­do de acor­do com a neces­si­da­de da empre­sa para o desen­vol­vi­men­to e o apri­mo­ra­men­to de seus cola­bo­ra­do­res.

Opor­tu­ni­da­des

Conhe­ça alguns dos cur­sos ofe­re­ci­dos pela Edu­sen­se

 

• Ana­li­sar pro­ble­mas e tomar deci­sões

• Auto­con­tro­le em momen­tos difí­ceis

• Desen­vol­ver dis­ci­pli­na para alcan­çar metas

• Pen­sar fora da cai­xa

• Busi­ness plan

• Usar Can­vas para pla­ne­jar